13 de out de 2016

Insônia

Faz tempos que não passo por aqui...
Mas quando as palavras não conseguem mais se calar, elas transbordam.
As vezes me sinto uma pessoa horrível por ter uma vida tão boa, tão abençoada, pessoas que amo e que me amam ao meu lado... mas ainda assim, ter dias ruins, que me sinto tão mal, tão triste, tão...
Me sinto desprezível por isso, mas não consigo mudar.
Me bate uma angústia, uma vontade de talvez poder ajudar todo mundo que passa por algo difícil, como uma doença psíquica (por exemplo).

Tenho muito medo de ter as doenças que minha mãe tem.
Esquizofrênica. Bipolar. Depressiva. Compulsiva.
E tudo isso pode ser hereditário...
Minhas mudanças repentinas de humor me assustam.
Alguns pensamentos tristes, uma vontade de me fechar no quarto e não sair, vontade de chorar, me sentir feia ou chata... morro de medo disso. Mas acontece e com frequência.
Será que tbm sou doente? Posso lutar contra isso? Esses questionamentos me surtam.

Vejo o sofrimento da minha mae e vejo o sofrimento dos que ao lado dela vivem e convivem com isso. Nao quero isso para aqueles que amo.

Parece bobo, mas me preocupo.
E hoje isso me tirou o sono...

29 de jun de 2016

E vc sente um replay...
De novo você fazendo de tudo por alguém mas não sentindo o mesmo em troca.
Outra vez você pensando demais nas palavras a usar e as pessoas despencando as delas em você sem nem pensar 2x.


APRENDE.
Vê se faz diferente dessa vez.

15 de jun de 2016

A vida da gente é um sopro

Bem disse Niemeyer, a vida da gente é um sopro...
Passa rápido e acaba na mesma velocidade.
Por conta disso, avalio sempre o que ainda quero fazer na minha vida, os lugares que quero conhecer, as loucuras que quero fazer, os sonhos que tenho, o que quero fazer para as pessoas que eu amo...
Decidi listá-las e tentar cumprir essas metas.

Lugares que quero conhecer:

Mais difíceis R$:
-Cancun
-Bora Bora
-Nova Zelândia
-Paris
-Veneza
-NY
-Toronto
-Fernando de Noronha

Mais possíveis R$:
-Trindade/RJ
-Lapinha da Serra
-Ibitipoca
-Capitólio
-Porto de Galinhas
-Porto Seguro
-Morro de São Paulo
-Jericoacoara

Comidas que quero experimentar:

-Francesa: (escargot, rolê de vitela, profiteroles, quiche lorraine, etc)
-Alemã: (strudel de maçã, spatzle,
-Grega: (moussaka, gemista, etc)
-Indiana: (masala, chaat, curry de peixe, roghan josh etc)

Sonhos e projetos a curto, médio e longo prazo:

Curto: passar no 6° período da faculdade, organizar um níver legal, fazer 3 cursos até o final do ano.
Médio: levar a mãe para conhecer um lugar legal, encontrar uma casa ou apto, formar, noivar, viajar, mobiliar a casa/apto, trocar de carro, ter um Golden.
Longo: trabalhar com decoração, fazer cursos de especialização em paisagismo e iluminação, ter filhos, fazer viagens periódicas.

Loucuras -ou não -que ainda quero fazer:

-Saltar de asadelta
-Fazer uma viagem em um cruzeiro
-Esquiar(tentar)
-Arvorismo
-Mergulhar (mesmo não sabendo nadar)
-Saltar de paraquedas
-Andar de jet
-Andar a cavalo(tenho medo)

Em parte é isso, se lembrar de algo mais vou postando...
Tomara que eu consiga realizar tudo ou ao menos boa parte do que sonho.
A medida que for conseguindo, contarei aqui no blog!


bjs

30 de mar de 2016

Infelizmente ou felizmente a vida nos mostra muitas coisas.
Mostra quem é quem, derruba mentiras, traz á tona realidades, JOGA elas na sua cara.
Pessoas por quem você perdia o sono de preocupação,que estavam sempre em suas orações,que uma msg bastava e você já estava lá para saber como ela estava... Essas pessoas se viram contra você e de repente, nada do que você ja fez ou é significa algo.
Somos um nada nesse mundão de Deus mesmo.
O que eu sempre agradeço á Deus é por isso... há algum tempo aprendi  a me doar, dar meu melhor, ser a melhor pessoa, amiga, namorada, filha, irmã, etc que posso ser... e não esperar absolutamente NADA em troca. Porque é frustrante, em sua grande maioria, essa expectativa jovens. Não façam isso com vocês! rs

Pratique o bem. Seja verdadeiro, sincero. Meça palavras. Não omita, não minta... não deixe de falar, mas meça palavras. Uma frase, um tom, uma mensagem dúbia pode gerar muita dor, tristeza, confusão.
Mas essas mesmas palavras - que precisam ser ditas - aproxima ou afasta quem deve, te mostra quem é e quem não é, tira máscaras, te nocauteia com a realidade.

É isso aí... vivendo e aprendendo.

18 de mar de 2016

Amar é muito louco

É muito louco amar uma pessoa, não é mesmo?
É tudo muito intenso, um beijo, um abraço, uma palavra, uma discussão, fazer as pazes...
TUDO é MUITO.
E é tudo muito gostoso. Todas as etapas de uma relação são essenciais e deliciosas de se viver.
Conversar, conhecer melhor o outro, compreender um lado que você não concordava ou nem conhecia, viajar num olhar, amar um sorriso, olhar para alguém como se fosse o bem mais precioso desse mundo e saber que faria o possível e impossível para que nunca nada nem ninguém tire aquele sorriso do rosto dele.
Esse trem de amar é um bagulho doido!

É despedir já querendo o retorno, é desligar o telefone já querendo ligar de novo, é acabar de fazer amor e mesmo esgotada, querer mais e mais e mais.
É passar o dia todo do lado da pessoa sem fazer nada, só vendo tv ou sei la mas ser o dia mais gostoso do mundo. É discutir com quem vc ama e todo o resto ficar um porre, o trabalho, a faculdade, as pessoas.
Se não tô em sintonia com ele, nada mais dá certo. É o centro de tudo, é meu ponto de paz e equilíbrio.

Eu sei que posso escrever um textão, um livro, uma enciclopédia...
Mas em palavras não dá pra descrever nem parte do quanto que amo esse cara rs
É muito louco. Quem ama assim vai entender parte da agonia que é depender tanto de outro para ser feliz por completo.

É muito, muito louco rs