5 de abr de 2010

imprevisível

quer me conquistar?
saia do comum, do monótono, do igual.
se tem algo que não suporto é isso: previsibilidade.

historinha pra vocês:
tô num ônibus e entra um carinha lindo.
mas, pense num cara lindo.
pensou? então, ele era mais.
não era forte e musculoso, nem loiro dos olhos claros.
mas ele tinha lá aquela beleza diferente que sempre atrai e você não sabe explicar o que nem o porque. entende? pois é, era ele.
e aonde ele senta? no banco do lado.
afinal, era o único vazio.
aí você pensa: que merda, eu podia ter sentado ali do lado --'
haha, aí você ri de si mesma. #quetonta
até parece que um cara gatíssimo vai olhar pra VOCÊ dentro de um ônibus cheio de pessoas, pedir seu telefone, te ligar no outro dia e vocês vão sair e se apaixonar e namorar e final feliz.
ACOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOORDA garota.
aff' não custa sonhar. ;P
o telefone dele toca. ele atende.
eu penso: CLARO, é a namorada.
e cara, POXA sou mto boa em adivinhação.
não é que era?
e quer apostar quanto que é uma loira ou morena linda de cabelos lisos, olhos claros e raquítica?
vey, como eu queria ter apostado algum dinheiro, pelo menos voltava com alguma grana pra casa.
entra essa tal loira linda no ônibus, da mesma escola que ele, senta atrás dele e se comprimentam com um celinho.
mero celinho, mas que deu |admito| uma pitada de inveja.
não inveja no sentido: quero que morram ordinários --'
mas no sentido: queria isso pra mim "/
é, mas como eu pensei e acertei na mosca /modéstia a parte/, um garoto mega lindo, tinha que querer quem? uma garota mega linda no padrão da beleza que os homens previsivelmente querem: mega loira, mega raquítica, mega padrão.
aaaaaaaaaaaaaaaaaaff'
logo desencantei.
e aquela pitada de inveja se transformou em: não quero isso pra mim.
não pelo fato dele ter uma namorada, e não também por ele não ceder o lugar a uma senhora no ônibus (acreditem, ele fez isso), e sim pelo fato dele ser completamente PREVISÍVEL.
pelo fato de que ele é como a maioria dos garotos.
deve pensar em futebol, bebida, dinheiro e mulher.
e MAIS nada.
ai que tosco.
quero o imprevisível. quero encontrar um alguém que eu pense: vai fazer isso, tá na cara... e ele fazer justo o contrário.

quero um cara que ceda o lugar pruma senhora no ônibus.
quero um cara que fique com quem gosta pelo jeito de ser e não por ser loira de olhos claros ou morena do cabelo liso ou...
quero um cara que goste de estilos de música, várias ou uma, mais não porqe fulano gosta e sim porqe ele ama escutá-las.
quero um cara que leia bons livros e não só mangás hentay.
quero um cara que te ligue do nada só pra saber como foi seu dia.
quero um cara que creia em Deus e não tenha vergonha de mostrar isso.
quero um cara que não tenha seus gestos e pensamentos previsíveis por todos.
quero um cara que goste de uma pessoa por inteiro e não de várias por partes.

é pedir muito?
não gosto do padrão. isso me incomoda.
seja imprevisível, seja VOCÊ.
sem cópias, sem máscaras, sem imitações, sem previsões.

Não ao Padrão (!)

4 comentários:

  1. Gabriela pimentel5 de abril de 2010 21:34

    Tah inspirada mesmo Ly bunduda! *-*

    mas concordo com tudo q vc escreveu...vamos romper o estabilishiment ! AHAHAHAHAHA

    ResponderExcluir
  2. UHSAUHSUAHSAUSAUSHA isso meesmoo Gabyy pernuudaa!
    SUAHSUAHUSHAUSHUAHS
    roomper com o estabilishiment! *-*

    ResponderExcluir
  3. Amei o texto Lyy /normal se só faz textos bons mesmo x)
    Isso mesmo fora os Padrões! xD

    ResponderExcluir
  4. UHSAUSHAUHSUA oonw qe liindo palooma :DDD
    foora do padrãoo já õ/

    ResponderExcluir

\õ/