6 de jan de 2011

Há tantos que vivem sem viver um grande amor ♪


"Eu que sonhei por tanto tempo em ser livre, me prenda em seus braços... é o que eu te peço" (♪

São tantos os que procuram um amor, um alguém em quem pensar num dia chuvoso, um sentimento que faça saudade.
São tantos os que fogem de um relacionamento, que têm medo de se entregar, medo de se ver refém de um sentimento.
São tantos os que sem procurar um amor, o encontram. São tantos os que morrem esperando.

Eu sou uma dessas que preferia morrer sozinha do que amar alguém.
Amar torna algumas pessoas inseguras, incertas e inconstantes. E, cá pra nós eu já sou isso tudo sem amar alguém, quanto mais apaixonada.


2 comentários:

  1. Ha tantos que vivem um grande amor que quando vivem são completamente transformados por essa metamorfose.

    ResponderExcluir
  2. Espero que isso aconteça um dia, com todas nós.

    ResponderExcluir

\õ/