10 de mai de 2010


 " quando a gente gama, tudo são flores, amores e bla bla bla " ♪
" quando vira um drama então é um chora pra cá e um chora pra lá " ♪

Marjorie Estiano


HAHA'
Fato queridas!
Eu sei, pior que sei, que vocês detestam admitir que isso é a realidade.
Nós mulheres 'amamos', nos entregamos por inteiro e nos jogamos sem medo algum quando estamos apaixonadas.
Caímos em papinhos idiotas e promessas de felicidade e amor eternos.
E não é nem uma, nem duas, nem três vezes.
Somos idiotas? Não, só acreditamos que 'daquela' vez será diferente.
E aí depois, quebramos a cara, caímos em um poço que parece sem fundo e nos afogamos em nossas próprias máguas e lágrimas.
Nos refazemos depois de algum tempo, prontas pra outro amor, outra desilusão, outra mentira, outro cafajeste.
Até quando?
Até quando conseguiremos nos reerguer e cicatrizar as feridas?
Coração não é saco de pancada, e chega uma hora que ele não aguenta mais.
Dar o coração a bater não é sempre a melhor opção.
Quem se machuca é você mesma.

Adianta você ler isso aqui e concordar com tudo que eu disser?
Não.
A mudança ocorre a partir do momento que VOCÊ está disposta a mudar.
Se você não sair do lugar, não vai ser outra pessoa que fará isso por você.

=*

Nenhum comentário:

Postar um comentário

\õ/