6 de jun de 2012

Maktub

Tanta coisa...
Decisões a serem tomadas, rumo profissional e emocional em jogo.
Atitudes a serem mudadas, palavras a serem controladas ou escancaradas.

Ando em meio á um turbilhão de sensações, de sentimentos, de opiniões.
Ao mesmo tempo que quero doce, quero salgado. Ao mesmo tempo que quero lutar, penso em desistir. Ao mesmo tempo que arriscar, quero a tranquilidade do estável.
Tanta coisa... tanta coisa em jogo.

A minha vida, a vida da minha família, meu futuro... eu.
Quero tomar a decisão certa, ou então a errada que mais tarde dará certo.
Eu quero acertar, cansei de fazer burrada, de chutar o balde, de estar nem aí pra nada.
Passei dessa fase, dessa idade.
Maturidade, essa é a palavra que vem equilibrando meus dias.
Mas em excesso, nada é bom, dizem as más línguas.
Ser responsável demais, certinho demais, cabeça demais... além de ser um saco, não adianta.
Eu sou difícil de entender, mais ainda pra quem tenta.
Eu já desisti de tentar, até porque não sei o que faria com a resposta.
Cheguei até aqui, chegarei aonde quero? Boa pergunta. Mas já está escrito.



Maktub.
Espero mesmo, que esteja escrito e com um final feliz.
Não sei o que dará o dia de amanhã, mas a incerteza é que faz a graça de sobreviver ao dia de hoje.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

\õ/